Quem sou eu

Minha foto
Viamão, RS, Brazil
Trabalhador, de Esquerda e Socialista!

Meu Site

Meu Site
Um Click e conheça quem é Itamar Santos

Total de visualizações de página

1ª CVS Rs

1ª CVS Rs
6,7 e 8 de Outubro de 2017 na FETAG RS.

1 ª CVS RS

1 ª CVS RS
Fetag RS

Eleição do CES RS

Eleição do CES RS
Eleito Vice Presidente do CES RS em 15-12-16

O Nosso Estado.

O Nosso Estado.
Rio Grande do Sul

sábado, 5 de dezembro de 2009

Esquerdismo ou divisão?



Historicamente a unidade da esquerda brasileira e mundial nunca foi tudo aquilo em termos de força política com a devida consistência para enfrentar a coesão da burguesia.

Esta fragilidade permanece na epiderme do tecido social da esquerda brasileira, fato que nos divide fatalmente proporcionando derrotas nos mais importantes movimentos sociais de nossa base.

Derrotas como a ocorrida no DCE da UFRGS após uma hegemonia superior a quatro décadas por uma chapa de estudantes filiados ao PSOL demonstram a repetição histórica desta divisão da esquerda como pensamento ideológico de classe antagônica a classe dominante.

Esta divisão entre os partidos que disputam a mesa fatia no seio da classe operaria é tudo que a classe dominante necessita para galgarem vitórias como a do pleito obtida pela chapa 3 – que tem entre seus integrantes estudantes filiados a partidos como PP, PMDB e PSDB.

Este é o mais recente exemplo do que esta divisão faz no interior da classe operaria o que permite vitórias da direita tanto nos movimentos como nos governos.

Chamar esta pratica de “esquerdismo” não nos faz diferentes ou melhores daqueles companheiros que se apequenam em políticas meramente aparelhistas que visam apoderar-se dos recursos financeiros advindos das contribuições de suas bases, seja elas financeiras, políticas ou ambas.

A esquerda não perdia uma eleição no DCE da UFRGS desde os tempos da ditadura.

Ao se dividir em três chapas, vimos um grupo que rejeitava o “Fora Yeda” e prometia lutar apenas por questões acadêmicas vencer o pleito.

Quem está ficando emparedado, como nós já ficamos tempos atrás somos nós mesmos não importando a que partido possamos nos encontrar.

Com a realidade da política atual do governo federal, a percepção do Lula e por causa disto com a disputa de forças no interior da sociedade estamos perdendo adeptos, fato que não pode ser atribuído ao chamado “esquerdismo”.

Disputas com o PSTU de ser contra a criação do curso noturno de serviço social na UnB ou contra ao bolsa trabalho do governo Lula são debates a serem feitos em conjunto com a base estudantil de maneira que não divida o conjunto ideológico dos militantes, pois o objetivo maior não está em ser transformado em ponto tão específico como este.

A contra ofensiva não deve ser ao “esquerdismo” ou a aliança DS-UJS e só no Movimento Estudantil, que por ventura possa ser uma de disputa de aparelho, mas no conjunto de todos os movimentos sociais da cidade e do campo e esta luta contra hegemônica é contra o nosso inimigo incomum o qual seja a classe burguesa detentora dos poderes constituídos.

Nós, militantes que nos reivindicamos de esquerda, devemos ter claro que estas disputas de espaços tanto no ME ou no MS (sindical e Comunitário) não pode ser o fator determinante para a perda de trincheiras como a que aconteceu no pleito do DCE-UFRGS ou de algum sindicato para a Força Sindical.

Nossos esforços devem ser direcionados na busca da unidade das diversas forças que compõe a esquerda brasileira e mundial a fim de recuperar o tempo perdido em construirmos um projeto popular onde a hegemonia seja representativa da classe trabalhadora e não somente de um grupo.

No caso exemplar das eleições do DCE-UFRGS os perdedores não estão no Psol e sim em toda a esquerda. Nossa divisão será a ascensão da direita no interior dos movimentos sociais onde somos hegemônicos, status que devemos manter.


MSN: itamarssantos13@hotmail.com

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

RESULTADOS DA PRIMEIRA CONFERÊNCIA ESTADUAL DE

DELEGADOS ELEITOS NOS SEGMENTOS

TOTAL: 47

Movimentos Sociais: 15

Trabalhadores Formais e Informais: 7

Setor Empresarial: 2 (duas vagas não foi preenchida)

ONG: 4 (acrescentado mais 1 vaga por orientação do ministério)

Academia: 5

Poder Público Estadual: 5


Poder Público Municipal: 8

LISTA DOS DELEGADOS ELEITOS
Movimentos Socais
Titulares

1. LUMEN CELI BAUER DE BORBA (F)
2. ALEXANDRE GABRIEL BARBOSA (M)
3. ITAMAR SILVA DOS SANTOS (M)
4. MARIA HORACIA RIBEIRO (F)
5. PAULO STRASSER (M)
6. VLADIMIR FERNANDO DALLA COSTA RIBAS (M)
7. ALCINDO RODRIGUES PEREIRA (M)
8. MILTON DOS SANTOS (M)
9. IVONE ARETZ (F)
10. BRUNO EUGÊNIO MAHL (M)
11. EVERTON DAVI CENTURIÃO SILVA (M)
12. OSCAR PANIZ (M)
13. ROBERTO HENRIQUE REDLICH (M)
14. ROSA MARIS ROSADO (F)
15. SIMONE MOURA DE SOUZA (F)

Gênero: 10 Masculinos e 5 Femininos.
Suplentes

1. MARIA ENCARNACION MORALES ORTEGA
2. REINALDO LUIZ DOS SANTOS
3. ALZERI FREITAS
4. LAURI CAMARGO PEREIRA
5. OLÍDIA MARLENE DE OLIVEIRA
6. JOÃO TOLEDO DE ARAUJO
7. SANDRA MARA LEON

Trabalhadores Formais e Informais
Titulares

1. MARIA LUCIA SCHAFFER (F)
2. VILMA FERNANDES RIBEIRO (F)
3. FATIMA GARBINI (F)
4. LUCIANO DE SOUZA (M)
5. MARCO ANTONIO SOARES (M)
6. DANIELA T D S IDIART (F)
7. MARIA NEVES RIBEIRO AQUINO (F)

Gênero: 2 Masculinos e 5 Femininos.

Suplentes
1. SEZER CERBARO
2. ANTONIO SÉRGIO DA SILVA
3. EDIMILSON GONÇALVES DA SILVA
4. VERONI RAUBER FERNANDES
5. ROBSON BERGMULHER DA SILVA
6. ROGER HALLA

Setor Empresarial
Titulares


1. NILSON BUTTINGER (M)
2. CARLOS HENRIQUE PIRES IDIART (M)
3. MARA ELISA OLIVEIRA (F) (não preencheu SPD?)
Gênero: 2 Masculinos e 1 Feminino.

Suplentes
Não havia participantes suficientes.

ONGs
Titulares


1. GERALDO SUSIN (M)
2. ROBERTO JAKUBASZKO (M)
3. TÂNIA DIAS PEIXOTO (F)
4. DELMAR SITTONI (M)
5. ELIANE COSTA ELIAS (F)

Gênero: 3 Masculinos e 2 Femininos.

Suplentes
1. CARLOS E. KUHN
2. PAULO ROBINSON DA SILVA SAMUEL

Academia
Titulares


1. DIONE ELIZA DE ÁVILA (F)
2. MARIA MERCEDES BENDATI (F)
3. MAURO R. DOS SANTOS (M)
4. SÔNIA PINHEIRO (F)
5. RICARDO CAETANO FERNANDES (M)

Gênero: 2 Masculinos e 3 Femininos.

Suplentes

1. BEATRIZ DE CARVALHO CAVALHEIRO
2. GILSON F. LESSA
3. RAFAEL GOMES VERDUM
4. DARCI CAMPANI
5. CHRISTINANO RIBEIRO

Poder Público Estadual
Titulares


1. MAURO LORDA DORNELLES (M)
2. FLÁVIA BAVARESCO (F)
3. MARIA SCHIRLEI PINTO DE FARIA (F)
4. JOÃO CALISTO RODRIGUES (M)
5. IVONE CORVALÃO (F)

Gênero: 2 Masculinos e 3 Femininos.

Suplentes

1. PAULO RICARDO EUZÉBIO MOTA
2. RICARDO RABENO
3. ANA MARIA CRUZAT

Poder Público Municipal
Titulares


1. SÍLVIO GONÇALVES (M)
2. ANITA MARQUES (F)
3. JOSÉ ENIO DE ANDRADE (M)
4. LINDA MARIA ANTONIAZZI (F)
5. MARLI R D´AVILA PEREIRA (F)
6. REGINA MARIS R MURILO (F)
7. ROBERTO SILVA DA SILVA (M)
8. SOELI DE MATOS (F)

Gênero: 3 Masculinos e 5 Femininos.

Suplentes
1. CARLOS TABORDA
2. ALOISIO BAMBERG
3. ANA MARIA ARAÚJO CIRNE
4. JOSÉ SILVANO M. GROSS
5. VALDIR SZALANSKI SACKS
6. VERÔNICA CUNHA BATISTA
7. ADILSON JOÁO STEFFEN
8. ANDRÉ URDANGARIN BORBA

Fonte:http://www.saude.rs.gov.br/dados/1257436115755RESULTADOS%20DA%201a%20CESA.pdf

6ª Conferência Estadual de Saúde, de 1 a4 de Setembro de 2011, em Tramandaí/RS

14ª Conferência Nacional de Saúde, de 30 de Novembro a 04 de Dezembro, em Brasilia.

1ª Conferência de Saúde Ambiental de Viamão.

1ª Conferência de Saúde Ambiental de Viamão.
Itamar Santos é eleito Delegado à etapa Estadual.

Representantes de Viamão na I Conferência Nacional de Saúde Ambiental-Etapa Estadual

Representantes de Viamão na I Conferência Nacional de Saúde Ambiental-Etapa Estadual
Verônica-PMV, Delmar-ONG, Simone-UAMVI, Itamar Santos-Mov. Sindical.

A Igreja Matriz de Viamão.

A Igreja Matriz de Viamão.
Referência de um Povo.

As 10 estratégias de manipulação midiática, por Noam Chomsky

Neoliberalismo e Globalização. Saiba o que são!

Juizes e suas Mordomias! Isso o JN não mostra.

CHÊ

CHÊ
O Maior Revolucioário que já viveu!!!

Bandeira do nosso time.

Bandeira do nosso time.

Eu sou Gaúcho

Eu sou Gaúcho
Mas,bah! Tche!

fidel

fidel
Um Lider

Saramago disse:

Eu na Internet

Charges que falam por si!!!!

Charges que falam por si!!!!
Sarney

Ataque aos Trabalhadores I

Ataque aos Trabalhadores I
Bm usa cavalaria contra MST em São Gabriel.

Ataque aos Trabalhadores

Ataque aos Trabalhadores
Trabalhadores encurralados pela BM em São Gabriel.

Assassinato do Trabalhador Rural Elton Brum em São Gabriel-RS

Assassinato do Trabalhador Rural Elton Brum em São Gabriel-RS
Marcas do tiro de calibre 12, arma da BM do Governo Yeda(PSDB,PMDB,PTB,PP,DEM) - Fotos do rsurgente-

Assassinato de São Gabriel

Assassinato de São Gabriel
Tiro a traição, da BM, mata trabalhador rural em São Gabriel.

A Guerra.

A Guerra.
BM usa armas de guerra contra MST em São Gabriel.

Paim prestigia ato em Viamão.

Paim prestigia ato em Viamão.
Paim observa discurso de Itamar Santos.

E o Congresso?

E o Congresso?
Sarney

Os Congressistas.

Os Congressistas.
Da coleção Sarney 2009

Visitantes. A partir de 05/10-2009

Paim em Viamão.

Paim em Viamão.
Ronaldo, Senado Paim, Itamar Santos e Ridi.